Você está comprometido com seu aperfeiçoamento?

Muitas pessoas buscam um Coach ou um terapeuta, mas não tem nenhum comprometimento com seu próprio aperfeiçoamento e evolução. Por esta razão, acabam desistindo do processo. Analise e responda, para você, as questões abaixo, para saber se você está preparado para um processo de crescimento e transformação.

 1. Você frequentemente complementa seus planos?

2. Você se responsabiliza por seus comportamentos e  não coloca a responsabilidade em terceiros?

3.  Você está disposto a aceitar ser confrontado ou interrompido?

4. Você se considera como mente aberta e com flexibilidade para vivenciar um processo de crescimento e transformação?

Se suas respostas foram todas SIM, parabéns, você está pronto para um processo evolutivo, para transformar suas perspectivas de vida, seu cenário atual, suas crenças limitantes e pensamentos disfuncionais. Um processo de transformação pode não ser muito agradável, por exigir o comprometimento e lealdade na mudança de caráter e atitudes.

O profissional Coach presta assessoria pessoal e profissional, com o objetivo de potencializar o nível de resultados positivos, nas diversas áreas da vida de um cliente, grupo ou empresa.

É uma parceria entre o COACH  (profissional) e o COACHEE (cliente) que busca a evolução, crescimento, aperfeiçoamento, felicidade, bem-estar e o aprimoramento da qualidade de vida. 

Um processo evolutivo  leva o cliente a buscar novos entendimentos, alternativas e opções que o façam ampliar suas realizações e conquistas. 

O foco  pode se colocado no aumento de desempenho, ou mudança, transformação e aprendizado.    

Coaching é a arte de aumentar a performance dos outros.

Quais os elementos em um processo de Coaching?

Segundo Lages e O’Connor (2011)*, um processo de Coaching envolve quatro elementos importantes: a mudança; a queixa; o relacionamento e o aprendizado.

Mudança – o que precisa ser mudado no coachee para que ele possa alcançar seu estado desejado. Crenças, pensamentos, emoções e comportamento.

Queixa – o que o coachee deseja trabalhar, modificar; qual a sua dificuldade ou qual a meta desejada.

Relacionamento – o vínculo entre o coach e o coachee. – o trabalho é desenvolvido em forma de parceria, criando vínculo de confiança, com ética, onde ambos criam e determinam o resultado desejado do Coaching.

Aprendizado – o Coaching ajuda a solucionar um determinado problema, com o desenvolvimento de uma capacidade, habilidade, tomada de decisão, crescimento pessoal,  alcance de metas ou administração de tempo. O coach faz perguntas que levam aprendizado ao coachee.

Alguns objetivos propostos:

Aperfeiçoamento e transformação, nas áreas pessoal e/ou profissional.

Conquistar harmonia entre a vontade pessoal e a vontade profunda.

Identificar crenças e pensamentos disfuncionais, para ter qualidade nos pensamentos e equilíbrio.

Desenvolver forças positivas para que se tenha equilíbrio em sua vida.

Seguir a vontade do eu interno para ter paz e segurança.

Desenvolver a assertividade e empatia na comunicação interpessoal.

Basicamente, os objetivos acima, quando alcançados, trazem maior coerência, saúde e transformação interna: pensamentos mais positivos e saudáveis; congruência no falar e no fazer e mudança de atitude e caráter.

Portanto, você precisa estar comprometido com sua evolução, para poder transformar tudo aquilo que não quer mais em sua vida. Destaco a necessidade de determinação, coragem e comprometimento.

Anete L. Blefari
anete@sermelhorepleno.com.br
www.sermelhorepleno.com.br

Referência:

LAGES, A. e O’CONNOR, J. Como o Coaching Funciona, 2011, Qualitymark.

Assista ao vídeo: curta e compartilhe! Inscreva-se no Canal e receba novidades.



WhatsApp chat