1HABLAR

Mude suas palavras para alcançar o que quer

Em processos de Psicoterapia ou de Coaching, costumo, de imediato,  perceber as palavras, que confirmam o estado limitado em que a pessoa se encontra.

Minha intenção, com este artigo, é que você entenda o poder que tem com suas palavras. As palavras podem transformar limitações e, consequentemente, mudar a rota da sua vida.

Frequentemente, a pessoa está inconsciente das próprias palavras e, portanto, não consegue e nem sabe que pode transformá-las para seu próprio benefício.

Aquilo que pensamos se manifesta em nossas palavras. Quanto mais afirmamos palavras limitadoras, mais criamos limitação em nossa caminhada.

Infelizmente, é muito comum, as pessoas repetirem que  “a vida é ou está muito difícil”; “é difícil”;  “é complicado”;  “não consigo”; “estou cheio de problemas”, etc…

Então, vamos trocar palavras, que criam  limitação, em palavras poderosas, que geram energia de mudança.

Alguns exemplos de palavras limitadoras, com suas versões potencializadoras:

Tenho um problema/um obstáculo:  tenho um desafio/oportunidade

É complicado:  é complexo

Tenho que fazer esse relatório:   vou fazer esse relatório

Tenho que assumir isso:   escolho/quero assumir isso

Preciso fazer esse serviço:  vou fazer/escolho fazer

É difícil:  não é fácil  (veja, abaixo, a explicação do “não”)

Vou tentar fazer:   vou fazer  (tentar traz sensação de fracasso)

Tenho ódio:  tenho aversão

Não quero sofrer:    quero ser feliz

Não quero fumar/beber:  quero parar de fumar/beber

Não quero ficar doente:  quero ter saúde

SOBRE A PALAVRA: NÃO.

O cérebro não processa a palavra “não”. Se eu disser “Não pense num cachorrinho cor de rosa” no que você pensou?

Alguns exemplos do “não”:

Não fique ansioso/nervoso:  fique tranquilo

Não perca essa oportunidade:  aproveite essa oportunidade

Não me espere:  pode ir

Não vá agora:  fique mais um pouco

Não pise na grama:  ande pela calçada ou respeite a grama

Não  jogue lixo na rua:  jogue o lixo na lixeira

Não se esqueça:  lembre-se.

Não derrame o leite:  tome cuidado com o leite

Quando você diz para os outros usando  o “não”,  é exatamente o que não quer que elas façam. Então, corrija suas palavras e terá uma comunicação mais objetiva e direta.

Existe, também, o negativo, em sentido positivo:  “não é fácil”. Como o cérebro não processa o “não”,  fica “é fácil”.  Ao invés de deixar algo mais difícil, use o “não é fácil”.

As palavras têm energia. Ao utilizarmos palavras limitadoras, que reforçam a energia negativa, estaremos criando mais dessa energia, que não queremos.

Preste atenção às palavras que pronuncia e comece a mudá-las, para lhe trazer energia realizadora. Com essa consciência, você muda muito sua energia e, consequentemente, sua vida, alcançando mais facilmente seus objetivos. Diga sempre aquilo que quer e não o que não quer.

Muita paz, luz e amor!

Anete L. Blefari
anete@sermelhorepleno.com.br
www.sermelhorepleno.com.br

No Comments

Post A Comment